Cotidiano

Mulher que injetou acrílico no bumbum está em estado grave

Vânia Prisco, de 29 anos, está internada desde o início do mês de junho em um hospital particular de São Cristóvão, zona norte do Rio, após ter se submetido a uma cirurgia. Ela aplicou acrílico para aumentar o glúteo e teve uma reação 20 dias depois. O procedimento foi feito por uma falsa médica. Vânia já passou por ao menos 37 cirurgias e gastou R$ 50 mil com anestesistas.

O procedimento foi feito com uma médica identificada como Cecília Tavares. O Conselho Regional de Medicina nega a existência da médica que realizou a aplicação do acrílico na jovem.

O acrílico em pó utilizado pela jovem é liberado pela vigilância sanitária, mas apenas para cirurgias reparadoras, não para procedimentos estéticos. Se for mal utilizado, pode levar à morte.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo