Polícia

Homem é acusado de engravidar enteada de 12 anos

O padrasto de uma jovem de 12 anos é o principal suspeito de abusá-la sexualmente e engravidá-la, no município de Itabuna, no sul da Bahia. A Vara da Infância e Juventude da cidade recebeu a denúncia por representantes da escola onde a menina estuda. O suspeito está foragido.

Em entrevista ao portal G1, a menina desabafou. “Ameaçava muito. Eu ficava com medo, chorava, mas só que eu não podia fazer nada. Era muito difícil porque eu ia para a escola. Os meninos tudo ficava perguntando, porque eu ficava assim desse jeito, minha barriga crescendo muito, e eu não sabia dizer o que era. Eu gostaria que ele estivesse preso para nunca mais ver a cara dele”, afirma.A mãe da garota grávida de seis meses foi diagnosticada com leucemia e sífilis, uma doença sexualmente transmissível. Ela afirma que notou a mudança do comportamento da filha, mas diz não ter tido coragem de denunciar o companheiro.“Quando eu fiquei sabendo de toda a verdade ele começou a me ameaçar, ele ameaçava os meus filhos. Dizia se eu contasse alguma coisa que me matava, matava meus dois filhos. Então eu fiquei sem saber o que fazer, sem poder pedir ajuda pra ninguém”, afirma a mulher.

Por questões de segurança e bem estar, a jovem está morando em um abrigo. Mãe e filha estão sendo atendidas pelo Centro de Referência Especializado em Assistência Social (Creas).

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo