Política

Com medo ou destemidos, eleitores estampam seus candidatos na hora de votar

Muito se fala no clima de medo instaurado nesta eleição, mas, mesmo temeroso, o eleitor Irineu Jungs não deixou de usar adesivos em apoio a Jair Bolsonaro (PSL) para ir votar. "Eu acho que pra meu candidato ser eleito, vale tudo, vale o risco", garantiu ao Bahia Notícias, acrescentando que não sofreu nenhuma hostilidade. Ele registrou seu voto no Colégio Luiz Vianna, em Brotas. Do lado do candidato Fernando Haddad, do PT também não foi diferente. Alguns eleitores foram de vermelho e com adesivos do partido e do presidenciável. Mas o eleitor Roberto Sampaio, que votou no mesmo lugar, disse que não teve medo de sofrer agressões. "A agressividade existe, está aí explicitada, inclusive o próprio candidato deles têm incentivado esse tipo de comportamento, mas ele incentivou isso a vida toda, os exemplos estão aí", destacou Sampaio. Ele ressalta que viveu "os anos de chumbo", como também chamavam o período mais repressivo da Ditadura Militar e que, por isso, não tem nada a temer. Fonte: Bahia Notícias

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo