Cotidiano

João Ubaldo Ribeiro morre no Rio de Janeiro aos 73 anos

Morto nesta sexta-feira (18), vítima de embolia pulmonar aos 73 anos, em sua casa no Leblon, no Rio de Janeiro, o escritor baiano João Ubaldo Ribeiro, imortal da Academia Brasileira de Letras (ABL), desde 1993, terá corpo velado na sede da ABL e enterrado no mausoléu da entidade, no cemitério São João Batista, como manda a tradição da casa. O enterro ainda não tem data marcada. O escritor de obras famosas como “Viva o povo brasileiro”, “Sargento Getúlio”, “A arte de roubar as galinhas”, “O sorriso dos lagartos” e “A casa dos budas ditosos”, era membro também da Academia de Letras da Bahia (ALB), empossado em 2012. João Ubaldo tinha quatro filhos. Dois deles, Bento Ribeiro – ator, comediante e apresentador de TV – e Francisca, frutos de seu casamento com Berenice de Carvalho Batella Ribeiro e outras duas filhas, Emília e Manuela, de união anterior com Mônica Maria Roters.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo