Política

Vaga no Tribunal de Contas dos Municípios pode trazer problemas para o governo

O Diário Oficial do Legislativo traz nesta quinta-feira (22) o pedido do governador Jaques Wagner (PT) para que o nome do deputado federal Mário Negromonte (PP) seja submetido à apreciação da Assembleia Legislativa da Bahia para ocupar uma cadeira no Tribunal de Contas dos Municípios. Já na página seguinte, o presidente do TCM, Francisco Netto, lembra ao petista um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC), assinado por eles e o chefe do Ministério Público à época, Wellington Lima e Silva, datado de junho de 2010, em que os três se comprometem em nomear um procurador para o cargo do órgão, na primeira vaga remanescente do terço dos conselheiros indicados pelo Poder Executivo. Segundo a coluna Tempo Presente, do Jornal A Tarde, o governo se apega ao fato de os três promotores do MP terem menos de 35 anos, idade mínima exigida para os pretendentes. Entre eles, o mais velho é Camila Vasquez Negromonte, nora de Mário Negromonte. Daí a dúvida: o deputado estadual Negromonte Jr., casado com Camila, prometeu à época, brigar pelos direitos da mulher. Então, tá tudo em casa! Informações Metro1

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo