Política

Vereador pede exoneração de servidora por ela ser ateia

O vereador Alex Dotti (PMDB), do município gaúcho de Antônio Prado, pediu a exoneração de uma servidora da Câmara municipal por ela não acreditar em Deus e apoiar publicamente a opção nas redes sociais. “Eu peço a exoneração da assessora de imprensa, e a troca urgente, porque a Câmara de Vereadores e a cidade de Antônio Prado é uma cidade de fé. É isso que eu penso e eu acredito que quem não acredita em Deus pode não acreditar, mas não deve divulgar”, disse o político na primeira sessão do ano, realizada no dia 4 de fevereiro, segundo o G1. O caso que envolve a jornalista Renata Helena Ghiggi já gerou uma representação no Ministério Público Estadual sob a alegação de crime de perseguição religiosa. O presidente da Câmara, Valdicir Viali (PTB), já informou não há possibilidade de haver demissão da servidora. Informações Bahia Notícias

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo