Eventos

Psicóloga da Seleção Brasileira relata grupo abalado e revela pânico entre jogadores

O excesso de choro de Thiago Silva e o descontrole de David Luiz em campo foram cenas marcantes na campanha da Seleção Brasileira na Copa. O fator emocional foi diretamente relacionado ao fiasco do Brasil no Mundial. A psicóloga que trabalhou com o grupo, Regina Brandão, comentou o assunto e foi bastante clara: o grupo entrou em pânico na goleada sofrida por 7×1 para a  Alemanha. “Foi coisa do momento e vou ter que falar, todo mundo entrou em pânico, e quando entra em pânico, você não pensa. A sensação do David nesse jogo, como no próximo (Holanda), foi tentar resolver por conta própria e perdeu o coletivo. Cada um tenta resolver por conta própria”, falou em entrevista ao programa Roda Viva, da TV Cultura. Apesar do desequilíbrio emocional na semifinal, Regina garante que, no geral, o ambiente era normal. “Trabalho no esporte há 30 anos e, em termos de grupo, foi o melhor que já avaliei psicologicamente falando. Individualmente, eles tinham um perfil extraordinário. O grupo não conseguiu ter resultado no momento de máxima tensão, o coletivo não conseguiu transformar aquela qualidade individual, na hora do vamos ver, em desempenho”, falou.

Comando

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo