Política

Banco alemão usado por Maluf para desviar dinheiro pagará indenização de US$ 20 milhões

O Deustche Bank fechou, nesta segunda-feira (24), um acordo com a Prefeitura de São Paulo e com o Ministério Público daquele estado no qual aceita pagar uma indenização de US$ 20 milhões — cerca de R$ 50 milhões — em troca do arquivamento de uma ação judicial.  A ação é em função de a instituição financeira alemã ter abrigado em suas contas dinheiro que, segundo a promotoria, foi desviado na gestão de Paulo Maluf, atual deputado federal pelo PP, na prefeitura de São Paulo (1993-1996). O dinheiro deve entrar nas contas do Município em até 60 dias e será depositado em uma conta específica, pois, pelo acordo, não pode entrar no caixa geral.  O valor deverá ser usado para a construção de equipamentos sociais como escolas, creches ou parques. Informações Metro1

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo