AcidentesNotícia

Baianas são vítimas de acidente com ônibus na BR-116, em Minas Gerais; veículo saiu de SP para o sul da BA

Duas baianas estão entre as vítimas fatais do acidente com um ônibus de viagem, que capotou na BR-116, na cidade mineira de Leopoldina, no final da noite de sábado (2).

Uma delas é uma idosa de 68 anos, natural da cidade de Ipiaú, no sul da Bahia. Ela foi identificada como Maria das Graças Jesus Brito Nascimento. De acordo com familiares, a idosa seguia com destino a Ipiaú, para visitar parentes.

Maria das Graças morava na cidade de Indaiatuba, em São Paulo, onde será sepultada. O corpo dela saiu da cidade de Leopoldina às 9h desta segunda-feira (4). Ela deixa quatro filhos e quatro netos.

A segunda vítima foi identificada como Jucélia Silva Santos, de 48 anos. Ela era natural da cidade de Ubaitaba, no baixo-sul da Bahia. Ainda não há detalhes sobre o sepultamento dela.

De acordo com a prefeitura da cidade Ubatã, que também fica no sul da Bahia e era o destino do coletivo, ao menos quatro baianos também ficaram feridos nesse acidente.

Por meio de nota, a empresa Gontijo de Transportes informou que lamenta o acidente e que chovia forte no momento em que o ônibus caiu da ribanceira. Disse ainda que providenciou transporte para os passageiros que já tiveram alta seguirem viagem, e que continua acompanhando os hospitalizados e mantém contato com as famílias, para o cumprimento das determinações legais.

O ônibus saiu da cidade paulista de Santo Amaro e seguia para Ubatã, no sul da Bahia. Na altura do KM 774,3, no trecho conhecido como Serra da Vileta, em Leopoldina, o veículo capotou.

Cerca de 50 passageiros estavam no coletivo e, entre eles, cinco eram crianças. A Viação Gontijo, responsável pelo coletivo, informou que 42 passageiros já tiveram alta médica nesta segunda-feira.

A empresa também informou que seis pessoas estão em hospitais e que quatro delas passaram por cirurgias ortopédicas, nos braços e mãos.

O ônibus saiu da cidade paulista de Santo Amaro e seguia para Ubatã, no sul da Bahia. Na altura do KM 774,3, no trecho conhecido como Serra da Vileta, em Leopoldina, o veículo capotou.

Cerca de 50 passageiros estavam no coletivo e, entre eles, cinco eram crianças. A Viação Gontijo, responsável pelo coletivo, informou que 42 passageiros já tiveram alta médica nesta segunda-feira.

A empresa também informou que seis pessoas estão em hospitais e que quatro delas passaram por cirurgias ortopédicas, nos braços e mãos.

Fonte: G1

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo