Esportes

Técnico do Paraná diz que faltou “malandragem” ao time contra o Bahia

Praticamente rebaixado para a Série B, o Paraná não deu facilidades ao Bahia e vendeu caro a derrota para o Tricolor, por 2 a 0. Após a partida, o técnico Claudinei Oliveira elogiou a atuação da equipe. "A gente veio com uma proposta de jogar em transição, ter os contra-ataques, até porque sabíamos que o Bahia ia se expor, precisava do resultado. A melhor chance do primeiro tempo foi nossa. No segundo tempo tivemos bons lances de contra-ataque, mas faltou aquele último passe ou a finalização não foi perfeita. Dentro da nossa proposta, fizemos um grande jogo", disse. Porém, o treinador lamentou os gols sofridos, principalmente o de falta, e afirmou que faltou "malandragem" ao time. "Precisamos ser um pouco mais malandros. No lance da falta, a barreira estava muito longe. O Vinicius ainda puxou a bola um pouco para trás antes de bater a falta. Já tínhamos sofrido gols de falta e finalzinho de jogo contra o Inter, Chapecoense. Precisamos ser mais malandros, andar a barreira um pouquinho para frente para dificultar para o cobrador. Malandragem no bom sentido". Sobre a situação do time paranaense na competição, que precisa vencer os nove jogos a serem disputados, Oliveira não jogou a toalha, mas admitiu que será difícil reverter a queda. "Muito difícil. Nossa equipe fez só 12 gols na competição. A equipe precisa fazer gols, e a gente faz poucos. Vamos lutar até o final, matematicamente temos chances. Temos que ganhar nove de nove. É difícil, mas vamos brigar". Fonte: Bocão News

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo