Política

Conceição do Almeida tem o terceiro menor Índice de Desenvolvimento Humano Municipal do Recôncavo ? IDHM

Jean Michell Fernandes | Mídia Recôncavo

Segundo dados do censo do IBGE publicado em 2010, 10.659 mil dos 17.889 mil habitantes, quase 60% dos moradores de Conceição do Almeida, no Recôncavo Baiano, não concluíram o ensino fundamental e apenas 879 pessoas frequentam o ensino médio.



No recôncavo, os percentuais da educação em 2010 deixa o município em último colocado no percentual da população de: 5 a 6 anos de idade frequentando a escola (86.91%), e penúltimo colocado em percentual da população de: 11 a 13 anos de idade frequentando os anos finais do fundamental ou que já concluiu o fundamental (70,01%), 15 a 17 anos com fundamental completo (37,32%). No Índice de Desenvolvimento Humano Municipal – Dimensão Educação Geral, o cenário não poderia ser diferente, obteve avaliação de 0,479, ocupando a penúltima posição do recôncavo.



Mas, o cenário já foi muito pior, o município obteve notas muito menores, em 1991, o Índice de Desenvolvimento Humano Municipal foi de 0,356, Dimensão Educação 0,173, / Dimensão Longevidade 0,585 / Dimensão Renda 0,447. No ano 2000, Índice de Desenvolvimento Humano Municipal ficou em 0,482, Dimensão Educação 0,331, / Dimensão Longevidade 0,672 / Dimensão Renda 0,502.




Registro realizado em 2008 (Foto: Diego Mascarenhas)


São dados como este que exemplificam o que foi apontado no levantamento feito pelo Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (Pnud), que divulgou nesta segunda-feira (29) o "Atlas do Desenvolvimento Humano no Brasil 2013". De acordo com a publicação, a cidade de Conceição do Almeida ficou o IDH em 0,606, ocupando o terceiro pior Índice Desenvolvimento Humano do Recôncavo, perde apenas para os municípios de Cabaceiras do Paraguaçu (IDH 0,581) e Varzedo (IDH 0,586) que até 1989 eram distrito que pertenciam aos municípios de Muritiba e Santo Antônio de Jesus/Castro Alves respectivamente. Em nível nacional, ocupa a posição de nº 3.999 dos 5.570 municípios.



Além da educação, a população de Conceição do Almeida também sofre com a pobreza. De acordo com o dados do censo do IBGE publicado em 2010, 40,56% dos habitantes não tem salário e apenas 36,45% recebem um salário mínimo. Mapa da Pobreza do IBGE publicado em 2003, aponta que 36,53% da população vive em condições de pobreza. Entre os municípios do Recôncavo, Conceição do Almeida ocupa a 16º posição entre os 20 municípios do Recôncavo, com renda per capita média de R$ 290,98, e a penúltima posição entre os municípios do Recôncavo, com PIB per capita de R$ 4.119,56, ficando atrás, apenas de Cabaceiras do Paraguaçu.



Os almeidenses também vivem mais, houve avanço na expectativa de vida em pouco mais de 18% entre 1991 a 2010. De 2005 a 2012, 512 pessoas vieram a óbito, 16,79% por doenças do aparelho do sistema circulatório. O município também não conta rede coletora de esgoto. Informações do Mídia Recôncavo

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo