Geral

Morre aos 107 anos o ogan mais velho de Cachoeira

Morreu na madrugada desta sexta-feira (10), aos 107 anos, o ogan mais velho de Cachoeira e uma das mais ilustres figuras da nação Jêje do Candomblé da Bahia. Bobosa, como era popularmente conhecido Ambrósio Bispo Conceição, era iniciado e membro da Roça do Ventura (Zoogodo Gbogun Male Cejá Houndé), sendo considerado como um dos maiores conhecedores da cultura Jêje. O corpo esta sendo velado em sua residência na Ladeira Manoel Vitório, em Cachoeira, por familiares e irmãos do Povo de Santo. O sepultamento acontece hoje em Cachoeira, às 16h. Informações do Portal A Ponte

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo