Geral

Mulheres de comunidades pesqueiras do Recôncavo são capacitadas em empreendedorismo

Filha de pescador, Roquelina Souza (foto) segue o ofício com orgulho há mais de 40 anos. Como presidente da colônia de pescadores de Maragojipe, no Recôncavo baiano, ela levou um pouco de sua experiência de vida e luta como mulher e marisqueira para o I Encontro Estadual de Pescadoras, Marisqueiras e Caranguejeiras da Bahia‏, realizado na última segunda-feira, dia 25 de março, no Auditório da Universidade Estadual da Bahia (Uneb). “Faço questão de dizer que é preciso nos unirmos mais. O Sebrae tem ajudado muito com uma parceria forte, porque, sozinhos, nós não podemos fazer nada”, disse.

A marisqueira de Vera Cruz e região, Laura Almeida, fez questão de participar do encontro e se diz satisfeita com o momento atual de uma maior valorização do seu trabalho. “A gente trabalhava duro e ninguém sabia o valor que tinha. Hoje, eu sei meus direitos e vi que posso crescer. Esse evento é maravilhoso para isso”.

Com apresentação de palestras sobre temas ligados à atividade e um estande com orientações sobre a saúde da mulher, a iniciativa do evento foi elogiada pela gestora do Sebrae Bahia, Shirlei Santos. “É importante promover a qualificação dessas pessoas, com práticas de manejo da pesca e orientações técnicas”.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo