Esportes

Menor admite disparo de sinalizador

“Ato voluntário, dever de consciência, lisura e um fantástico senso de justiça brotando e movendo o menor de iniciais, A.H.N que decidiu assumir sozinho a culpa pelo disparo do sinalizador que matou o jovem boliviano, no jogo do Corinthians pela Copa Libertadores na semana passada. Não é piada, não é manobra imoral para tentar impedir a punição dos verdadeiros culpados, é fato, não é orientação de advogados, não é tramóia, seguramente é o apogeu sem limite da moralidade invadindo o coração cristão do menino paulista”. Pelo amor de Deus! 


O torcedor do Corinthians que teria atirado o sinalizador na torcida do San José (Bolívia), durante jogo entre as duas equipes, na última quarta-feira, afirmou no último domingo que tomou a decisão de assumir a responsabilidade por conta da própria culpa pelo ato, e descartou a hipótese de que poderia estar encobrindo reais responsáveis. Em entrevista ao programa Fantástico, da Rede Globo, o adolescente A. H. N., que não foi identificado, assumiu a postura para evitar injustiça com os 12 torcedores presos na Bolívia para averiguação.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo