Geral

Metade dos abonos salariais do PIS tem pagamento adiado para 2016

 Como parte do esforço da equipe econômica do governo da presidente Dilma Rousseff de cortar gastos, o pagamento do abono salarial do Programa de Integração Social (PIS) deste ano foi parcelado em mais vezes e metade ficará para 2016. A decisão foi tomada ontem pelo Conselho Deliberativo do Fundo de Amparo ao Trabalhador (Codefat).

Com a decisão, dos R$ 19,1 bilhões de gastos com o benefício previstos para este ano, R$ 9 bilhões ficarão para 2016, informou o colegiado. O abono salarial é um benefício de um salário-mínimo pago, anualmente, ao trabalhador que recebe remuneração mensal de até dois salários-mínimos. 

Para correntistas da Caixa, por mês de nascimento

Julho: Correntistas nascidos em julho receberão em 14 de julho

Agosto: Pagamento em 18 de agosto

Setembro: Depósito na conta corrente no dia 15 de setembro 

Outubro: Pagamento no dia 14 de novembro 

Novembro: Creditado na conta corrente em 17 de novembro

Dezembro: Pagamento no dia 15 de dezembro

Janeiro e Fevereiro: Abono será depositado em 12 de janeiro

Março e Abril: Pagamento em 11 de fevereiro

Maio e Junho: Depósito no dia 15 de março

 

Os pagamentos feitos em 2016 serão feitos de acordo com o salário-mínimo aprovado para o próximo ano. Tradicionalmente, o abono é pago de julho a outubro, de acordo com o número de inscrição do PIS do trabalhador.

Desta vez, o cronograma de pagamento será de julho deste ano a março do próximo ano, de acordo com o mês de aniversário do beneficiário. “O trabalhador está financiando o ajuste fiscal do governo”, disse Sérgio Luiz Leite, conselheiro da Força Sindical. Dos 17 conselheiros presentes, 7 votaram contra a medida, sendo 6 representantes de centrais sindicais.

Pagamento para não correntistas, por data de nascimento

Julho: Pagamentos disponíveis na Caixa Econômica entre 22 de julho de 2015 e 30 de junho de 2016

Agosto: Disponível entre os dias 20 de agosto de 2015 e 30 de junho de 2016

Setembro: À disposição entre 17 de setembro deste ano e 30 de junho do ano que vem

Outubro: Pode ser solicitado entre 15 de outubro deste ano e 30 de julho do ano que vem

Novembro: Disponível entre 19 de novembro e 30 de junho de 2016

Dezembro: À disposição entre 17 de dezembro e 30 de junho de 2016

Janeiro e Fevereiro: Pode ser solicitado de 14 de janeiro de 2016 a 30 de junho

Março e Abril: Disponível de 16 de fevereiro a 30 de junho de 2016

Maio e Junho: Pode ser solicitado entre 17 de março de 2016 até 30 de junho do mesmo ano

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo