Política

Wagner deixa claro: espera renúncia de Almiro Sena, mas pode demiti-lo antes

Parece cada vez mais complicada a situação do secretário de Justiça, Cidadania e Direitos Humanos da Bahia, Almiro Sena. Em entrevista à TV Record Bahia nesta terça-feira (3), o governador citou o "desconforto" causado pelas graves denúncias contra o titular da pasta, suspeito de assédios sexual e moral contra servidoras públicas. "Eu não sou obrigado a esperar o final da investigação. Mas evidente que há um desconforto até porque ele é da Secretaria de Direitos Humanos, que tem que defender essas coisas. Se ele não renunciar, entao eventualmente eu tenho que dizer: ‘É melhor você sair, porque fica desconfortável essa investigação’", disse. Informações Metro1

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo