Política

TSE afirma que abstenção de eleitores causa prejuízo financeiro de R$ 195,2 milhões ao país

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) aponta que a abstenção dos eleitores, que não compareceram as últimas eleições, causam prejuízos financeiros ao país. De acordo com o levantamento do TSE, nas eleições gerais de 2010, o impacto foi de R$ 195,2 milhões de reais. Os valores são referentes ao custo médio do voto para o Brasil durante a eleição, que foi de R$ 3,63 por eleitor. “Ao preparar as Eleições, o TSE deve organizar uma estrutura para receber o conjunto total de eleitores aptos a votar. Como mais de 24 milhões de pessoas se abstiveram no primeiro turno, naquela ocasião, desperdiçou-se cerca de R$ 89,3 milhões em recursos públicos como consequência do não comparecimento”, explica o diretor-geral do TSE, Athayde Fontoura. No segundo turno, segundo o tribunal, a abstenção aumentou ainda mais. Na época, cerca de 29 milhões de eleitores se abstiveram de votar, e o prejuízo foi estimado em R$ 105 milhões de reais. Somados os dois turnos, as perdas atingem um total de R$ 195,2 milhões de reais.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo