Política

Imbassahy pedirá ao TCU que investigue venda de ativos da Petrobras na África

Líder do PSDB na Câmara Federal, o deputado Antonio Imbassahy pedirá explicações ao ministro das Minas e Energia, Edison Lobão, sobre a venda de poços de petróleo da Petrobras na África e solicitará ao Tribunal de Contas da União (TCU) uma auditoria especial sobre a operação. Após a mudança de comando feita na estatal pela presidente Dilma Rousseff, o banco BTG Pactual pagou US$ 1,5 bilhão, em 2013, para ficar com metade das operações africanas da companhia e se tornar sócio da Petrobras, de acordo com a Folha de S. Paulo. Segundo a publicação, os ativos foram avaliados em aproximadamente US$ 4,5 bilhões, valor reduzido posteriormente para US$ R$ 3,16 bilhões. Em menos de oito meses, o BTG Pactual começou a recuperar o capital investido e tirou de lá US$ 150 milhões na forma de dividendos. Conforme o parlamentar, dois bancos internacionais avaliaram, de forma conservadora, os ativos da Petrobras na África em um valor mínimo superior a US$ 7 bilhões. “Dois bancos de primeira linha errarem grosseiramente em suas avaliações é algo muito incomum. E vender os ativos a um valor 50% menos do que a avaliação mínima de US$ 3,16 bilhão é um forte indício de que Petrobras sofreu prejuízo”, disse. Informações Bahia Notícias

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo