Política

Campos vai exonerar todo o secretariado de PE

O governador e presidenciável Eduardo Campos (PSB) decidiu demitir todos os 22 secretários estaduais nesta quinta-feira, 3, antes de deixar o governo de Pernambuco para disputar a Presidência da República. Ele se desincompatibiliza no dia seguinte, dia 4 de abril. O objetivo é o deixar o vice-governador João Lyra Neto, à vontade, sem pressão para compor a sua equipe. "Combinei com João (Lyra) que todos os secretários serão dispensados, uma parte que tem mandato sai, outra vai para campanha nacional, outra para a campanha estadual e João vai fazer os convites e vai comunicar a vocês", resumiu, assegurando que os nomes a serem escolhidos são da competência do vice. Pelo menos sete secretários deixarão o governo.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo