Política

DEM aciona Wagner na justiça por divulgar pesquisa sem registro

O Democratas acionou judicialmente o governador Jaques Wagner (PT) na Procuradoria Regional Eleitoral da Bahia (PRE-BA) depois que ele divulgou na rádio Metrópole os dados de uma pesquisa encomendada onde o pré-candidato petista Rui Costa teve o maior crescimento entre os nomes apresentados. No documento entregue à PRE, o DEM alega que a pesquisa não foi registrada no TRE e, portanto, não poderia ser veiculada. Segundo o texto assinado pelo advogado Ademir Ismerin, o “registro visa, acima de tudo, atestar a idoneidade da pesquisa. (…) Seus dados podem ser manipulados a ponto de passar à sociedade uma situação que inexiste em relação aos candidatos de preferência daquele que divulgou”. O partido quer que Wagner seja condenado a pagar R$ 53 mil. O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) no artigo 33 da Lei 9.504/97, determina que pesquisas de opinião pública sejam registradas até cinco dias antes de serem divulgadas. Informações Política Livre

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo