Política

Ao menos nove ministros devem deixar Temer pelas eleições

A menos de um mês do fim do prazo para abandonar as pastas para disputar eleições em 2018, a tendência é que ao menos nove ministros de Temer deixem seus cargos. O G1 fez um levantamento, sobre os parlamentares que  a assessoria já informou que eles planejam tomar decisão até a próxima semana:  Marx Beltrão (MDB-AL), do Turismo; Ricardo Barros (PP-PR), da Saúde; Sarney Filho (PV-MA), do Meio Ambiente; Fernando Coelho (sem partido-PE), Minas e Energia; Maurício Quintella (PR-AL), dos Transportes; Leonardo Picciani (MDB-RJ), do Esporte; Osmar Terra (MDB-RS), do Desenvolvimento Social; Mendonça Filho (DEM-PE), da Educação e Helder Barbalho (MDB-PA), da Integração Nacional. Cotados para a presidência, Henrique Meirelles, da Fazenda, e Gilberto Kassab, das Ciências, Tecnologia e Comunicações ainda estão em dúvida sobre a saída. Eliseu Padilha, Moreira Franco, Carlos Marun, Raul Jungmann e Blairo Maggi anunciaram que permanecem ao lado de Temer. Fonte : bahia . ba

 

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo