Polícia

Universitário tenta matar namorada grávida em Camaçari e é preso

Um universitário de 19 anos foi preso na terça-feira (24) depois de tentar matar uma jovem que está grávida dele, segundo informações da 26ª Delegacia (Vila de Abrantes). Caique Malta Arouca foi detido em flagrante depois de agredir Emely Carolina dos Santos Silva, 18 anos, enrolá-la em um saco de lixo e abandoná-la para morrer em Camaçari, Região Metropolitana de Salvador. No dia seguinte ao crime, o jovem foi achado em um lava jato de Camaçari e foi preso em flagrante. Na delegacia, ele confessou o crime e disse que agiu porque não queria assumir o filho, por já ter outro. Caique e Emely estavam se relacionando desde março. Há cerca de 15 dias, o rapaz, que estuda engenharia na Unifacs, descobriu que ela estava grávida. Na segunda-feira, ele a chamou para sair e foi buscá-la com o carro da mãe. Na altura da praia de Jacuípe, o rapaz tentou sufocar Emely com um produto venenoso. Ela acabou desmaiando. O jovem então a levou até uma estrada de terra perto de Jauá, amarrou as mãos de Emely, a enrolou em sacos de lixo e deu vários golpes nela com um pedaço de madeira, além de murros e chutes. Depois disso, já achando que Emely estava morta, Caique a abandonou no local. Uma viatura da polícia que passava próxima acabou localizando Emely, que foi socorrida para o Hospital Geral Menandro de Farias, em Lauro de Freitas. Caique foi preso no dia seguinte em um lava jato com o carro que usou no dia do crime, um Sandero. Caique foi autuado por tentativa de homicídio triplamente qualificado. Emely, que não perdeu o bebê, segue internada no hospital. Correio 24h

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo