Polícia

Homem arranca pênis de catador, frita o coração dele e come

Com requintes de crueldade, um crime abalou a pequena praia de Quintão, no Litoral Norte gaúcho. João Tressoldi, de 60 anos, foi encontrado morto dentro de uma casa, na Rua Uruguaiana, no centro do balneário, na manhã da quinta-feira. Morto a facadas, o catador teve o órgão genital cortado e o coração arrancado. O corpo foi achado por volta das 8h30min da quinta-feira passada. Érico Hermes Luis, de 38 anos, confessou o homicídio após ser preso ao tentar fugir em direção a Mostardas, ao lado de Palmares do Sul.

– Ele estava de bicicleta com a companheira e deu detalhes do crime. Na delegacia, falou que havia comido o coração da vítima e comido frito – afirma o delegado Gustavo Brentano, titular da 1ª Delegacia de Osório. Conforme depoimento do acusado e de sua companheira, a motivação para o assassinato foi vingança. Luís contou que os três estavam assistindo uma partida de futebol na Tv e bebendo. Quando as bebidas acabaram, Luís teria saído para buscar mais. Nesse intervalo de tempo, Tressoli teria tentado abusar sexualmente da mulher. Quando voltou, Luís afirma ter flagrado a tentativa de estupro e entrou em discussão com a vítima. Ao todo, foram identificadas na vítima oito perfurações e quatro cortes no pescoço, além de pancadas na cabeça.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo