COVID-19Notícia

Brasil receberá 7,8 milhões de vacinas da Janssen em novembro

Imunizante será usado como dose de reforço; ministério espera receber mais 166 milhões de vacinas da Pfizer e AstraZeneca

O Brasil vai receber em novembro 7,8 milhões de doses da vacina contra a Covid-19 da Janssen, imunizante de dose única. O produto, contudo, deve ser utilizado principalmente na dose de reforço para idosos e imunossuprimido. O lote inicial, de 2 milhões de unidades, chega na primeira semana do próximo mês, a uma temperatura entre 2ºC e 8ºC, que assegura validade de seis meses.

A programação foi confirmada pelo ministro da Saúde, Marcelo Queiroga. De acordo com o gestor, os lotes seguintes para novembro e as 28,4 milhões de doses previstas para dezembro virão com temperatura de -20º, que tem validade por dois anos. A remessa de dezembro será guardada para 2022.

O país já aplicou 4,8 milhões de doses da Janssen,braço farmacêutico do grupo Johnson&Johnson. Destes, 1,8 milhão foram antecipados pela fornecedora e 3 milhões se originaram de doação do governo dos Estados Unidos.

Mais 166 milhões

A programação do ministério prevê o recebimento de mais 166 milhões de vacinas nos dois últimos meses do ano. São 100 milhões de doses da Pfizer/BioNTech enviadas por meio do segundo contrato com estes laboratórios. A Fiocruz enviará o volume restante, sendo que 6 milhões de unidades serão produzidas com o uso do Ingrediente Farmacêutico Ativo desenvolvido em território nacional. 

Fonte: CNN

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo