Mundo

Brasil perde disputa por uma esmeralda gigante. Pedra foi achada na Bahia

 O Brasil ficou fora da batalha global por uma esmeralda gigante. A Corte Suprema de Los Angeles descartou nesta segunda-feira o pedido do Governo brasileiro para recuperar a gema, avaliada em US$ 372 milhões (cerca de R$ 1,1 bilhão), e que nos últimos anos também foi disputada por vários comerciantes de pedras e empresários norte-americanos.

A pedra preciosa foi achada no ano 2001 em uma mina no Estado da Bahia

A pedra preciosa, que pesa cerca de 360 quilos, com aproximadamente 180.000 quilates, foi achada no ano 2001 em uma mina no Estado da Bahia. Desde então esteve rodeada de polêmica. O percurso da esmeralda é, no mínimo, confuso. Primeiro, alguns trabalhadores da mina a transportaram até São Paulo. Não está claro o que aconteceu nesses anos, mas em 2005, segundo o jornal Los Angeles Times, um geólogo e empresário da Califórnia que conhecia os mineiros recebeu a gema. Ele assegura que depois a enviou a Nova Orleans, onde, no meio das inundações provocadas pelo furacão Katrina, ela se extraviou. De alguma forma, outro californiano ficou com ela e a manteve até 2009. Esse ano denunciou que havia desaparecido de um depósito de segurança em Los Angeles.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo