Geral

Coordenadora do Planserv diz que serviço passa por modernização, mas não será privatizado

 A coordenadora-geral da Assistência à Saúde dos Servidores Públicos do Estado da Bahia (Planserv), Cristina Teixeira, voltou a conversar com José Eduardo, na Rádio Metrópole, na manhã desta segunda-feira (24), para explicar a situação do plano. Reafirmando que não há possibilidade de privatização, Teixeira disse que o serviço passa por "grande modernização" e está mais rigoroso. "Estamos discutindo com parceiros para fortalecer o Planserv. Não houve cortes. Temos responsabilidade com o plano. Tudo o que fizemos foi buscando aprimorar o Planserv", declarou.

"Não houve cortes. Nós estabelecemos quais eram os limites. Não pode ultrapassar isso. Não houve aumento de carteiras. Não pode haver contratação em órgãos públicos com cheque em branco. Não há motivo para o usuário se sentir lesado", acrescentou.

Questionada sobre a venda do plano, a coordenadora garantiu: "Não há qualquer possibilidade de privatização. Esse tipo de coisa é boato. Todo desenho de contratação [edital do governo para auxiliar na gestão do plano] dá mais força e apoio ao Planserv. Essa contratação mostra a vontade do governo de fortalecer o Planserv. A relação não está fora de controle".

Fonte : Metro1

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo