Geral

Padrão de vida dos brasileiros deve ficar congelado até 2020

O padrão de vida dos brasileiros pode ficar congelado até 2020. É o que prevê o pesquisador do Instituto Brasileiro de Economia (Ibre-FGV) Armando Castelar em reportagem do jornal Valor Econômico publicada nesta terça-feira. Para fazer o cálculo, ele estimou uma queda de 3% no Produto Interno Bruto (PIB) deste ano, de 2,1% em 2016 e um crescimento em torno de 1% entre 2017 e 2020. Deste modo, o economista prevê que a renda per capita ficará estagnada até o fim da década. "É uma década perdida em termos de padrão de vida", avaliou o economista. Após recuar 0,7% em 2014, o per capita brasileiro deve cair para 3,5% em 2015, segundo Castelar. Além da recessão econômica, a forte desvalorização do real ante o dólar e o crescimento médio da população também devem contribuir para a queda no indicador. Dados do Banco Mundial já mostram que o Brasil está muito atrás de outros países em relação ao indicador. Em 2014, o per capita brasileiro era de 11.612 dólares, praticamente metade do per capita grego, de 21.612 dólares. O PIB per capita americano, de 54.629 dólares, por exemplo, é quase cinco vezes maior do que o brasileiro. Segundo o sócio diretor da ACLacerda Consultores e professor da PUC-RS, Antônio Correa de Lacerda, o produto per capita deste ano deve cair para 8.490 dólares, o que representa um retorno para o nível próximo de 2009. 

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo