Geral

Baianos têm mais acesso aos serviços de saneamento, energia e educação

Conforme a pesquisa feita pela Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílio (Pnad), o índice de domicílios sem qualquer tipo de esgotamento sanitário no estado diminuiu de 13,1% para 5,6%, com maior redução na zona rural, de 35,8% para 18,4%. Entre 2006 e 2012, também foi apurado crescimento do percentual de domicílios com acesso à energia elétrica, de 92,8% para 98,6%.

Ainda conforme a Pnad, diminuiu na Bahia o percentual de pessoas de 15 anos ou mais que eram analfabetas, de 18,6% para 15,9% no período analisado. Segundo dados do IBGE, a população baiana passou para 14,3 milhões de pessoas em 2012, o que representa crescimento de aproximadamente 500 mil pessoas em relação a 2006 (13,8 milhões).

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo