Geral

Defesa de João de Deus diz que ele não vai se entregar antes do prazo da polícia

Os advogados de defesa do médium João de Deus disseram que ele vai se entregar à polícia por conta própria, mas que não deve ser antes do prazo das 14h (horário de Brasília) de hoje (15), quando ele se torna um foragido. De acordo com a Folha, esse foi o prazo estabelecido pela Polícia Civil, que já o procurou em mais de 20 locais desde ontem, quando foi decretada a prisão preventiva do médium suspeito de ter abusado sexualmente de mulheres em atendimentos espirituais. Segundo a defesa, também já foi apresentado um pedido de habeas corpus solicitando que a Justiça volte atrás no pedido de prisão temporária.  “A defesa não esperará o habeas corpus. Apenas não se submeterá ao prazo para apresentação que, no entanto, se dará e de forma espontânea”, informou o advogado Alberto Toron. Fonte: Metro1

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo