Geral

Salvador: Estudante diz que homens atiraram dentro de escola durante confusão na Boca do Rio

Uma testemunha do tiroteio que ocorreu no bairro da Boca do Rio, em Salvador, na manhã desta sexta-feira (20), contou que dois homens armados entraram na Escola Estadual Georgina Ramos da Silva durante a confusão. Segundo a jovem, que é uma das alunas da instituição, mas não quis se identificar, os suspeitos procuravam por alguém e chegaram a atirar duas vezes dentro da escola. Ninguém ficou ferido. O caso está sob investigação da polícia. De acordo com a Polícia Militar, os suspeitos já foram identificados e são procurados. No entanto, a identidade dos homens ainda não foi divulgada. "Houve uma grande movimentação na escola. A princício, a gente não tem informação de que houve uma invasão propriamente dito, mas não está descartado. As imagens do circuito de TV já estão com a Polícia Civil. Eu acredito que vão ser objeto de investigação a partir de agora. O que nos cabe agora é intensificar o policiamento na região, junto com a companhia da área e também dá aquele apoio dentro da escola, junto com a diretoria, para poder tranquilizar os pais", contou o major Adriano Carvalho, comandante da Ronda Escolar. A Escola Estadual Georgina Ramos da Silva fica localizada na Rua da Maçonaria. Imagens gravadas com um celular registraram o pânico de alunos e funcionários durante o tiroteio. Testemunhas contaram que homens armados chegaram ao local atirando, por volta das 7h. Após a confusão, as aulas foram suspensas e o policiamente reforçado. O funcionamento só voltou ao normal no turno da noite. Contudo, poucos alunos compareceram à unidade. Em nota, a Secretaria Estadual de Educação informou que a direção da unidade escolar acionou imediatamente a Ronda Escolar no momento dos disparos, mas que os autores dos disparos não foram encontrados no momento. Fonte:G1

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo