Educação e Cultura

Mais de 150 professores da rede particular foram demitidos em 2013

O número de professores demitidos das maiores escolas particulares de Salvador ultrapassou 150 no ano passado. Um dos docentes é Ana Carvalho, que ensinou durante sete anos no Instituto Social da Bahia (Isba). “A Educação está passando por uma crise. Entre os demitidos estão professores experientes, que tinham relação com os alunos”, diz a profissional, que já atua há 20 anos na área e lecionava Literatura para estudantes do Ensino Médio. Para Ana, a lógica proposta pelo Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) tem contribuído para o quadro que ela caracteriza como uma “involução autoral” e uma educação “reducionista”. “Não estou falando especificamente do Isba. Este é um problema geral que precisa ser questionado. O Enem veio de forma reducionista e torna a educação repetitiva”, opina a educadora. Na visão da professora, os profissionais que se afastam das propostas seriam penalizados e a principal justificativa apresentada pelas empresas aos docentes não contempla explicações sobre a escolha por métodos de ensino, mas apenas "adequação salarial". Bahia Notícias

 

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo