Cotidiano

Número de celulares alcançará proporção de um para cada habitante

O número de linhas de celulares em todo o mundo chegará a 7 bilhões até o fim do ano, o que representa a proporção de um para cada habitante. A previsão foi divulgada nesta segunda-feira (5) pela União Internacional de Telecomunicações (UIT), vinculada à Organização das Nações Unidas (ONU). O crescimento das assinaturas entre 2013 e 2014 foi de 2,6%, o menor índice registrado no setor, o que indica a saturação do mercado. Ainda de acordo com as informações da UIT, o número de usuários de internet chegará a 3 bilhões no mesmo prazo, o que corresponde a uma penetração de 40% em todo o mundo, sendo 78% nos países desenvolvidos e 32% nos países em desenvolvimento, onde estão mais de 90% das pessoas sem acesso à rede. Do montante, 2,3 bilhões acessarão a internet por banda larga móvel; a fixa chegará a 10% da população mundial. No Brasil, mais da metade dos serviços de banda larga alcança apenas 256 kilobits por segundo e 2 megabits por segundo de velocidade, enquanto na Coreia do Sul, 37% dos usuários desfrutam de velocidades acima de 10 megabits por segundo – no país, a taxa é de 2,5%. Já a utilização de telefones fixos está em queda nos últimos cinco anos. No final do ano, serão 100 milhões de assinaturas a menos que em 2009. Informações Bahia Notícias

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo