Acidentes

Muritiba: Estelionatário é preso após se passar por assessor de deputada e aplicar golpes no Recôncavo

Natural de Colatina, no Espírito Santo, esse homem de 49 anos residia na cidade de Itabela e foi preso na tarde dessa terça-feira, 18, pela Polícia Civil de Muritiba, no recôncavo baiano, acusado de estelionato. Segundo a polícia, Wellington aplicou golpes em pouco mais de 200 pessoas. “Ele se dizia assessor parlamentar de uma Deputada Estadual, seduzia essas vitimas prometendo emprego e fazia com que elas depositassem um valor em sua conta.”, conta o Dr. Fred Barreto Costa, delegado da cidade. O valor exigido para que tivessem o emprego, em sua maioria na área de enfermagem, era de R$ 160 reais. Uma das vitimas é de Pau Ferro, zona rural de Muritiba. Foi ela quem denunciou o acusado a polícia, no último dia 10 de março, quando começaram as investigações. Ao Primogênio Notícias, ela afirmou que conheceu Wellington e que, em pouco tempo, ele conquistou a sua confiança “Ele conversa sobre tudo. Religião, política, história e geografia. Disse que tinha influencia e que trabalhava para uma deputada, arrumando emprego para as pessoas. Me fez formar um grupo de 43 pessoas. Tinha gente daqui (Muritiba), Cachoeira, São Félix, Cruz das Almas, Santo Antônio de Jesus até de Feira e Salvador.”, contou. Só nesse golpe, foram R$ 6.880 reais, R$ 160 de cada vítima, depositados em uma conta via Casa Lotérica, exigência dele. As investigações apontam que Wellington estava na cidade desde dezembro do ano passado, hospedado em uma pousada. Informações do Primogênio Notícias

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo